Dia Mundial do Turismo

No dia 27 de setembro (terça-feira), quem almoçar no restaurante A Lanterna, em pleno centro histórico da Vila de Melgaço, será brindado com um copo de vinho alvarinho Dona Paterna. A ação é uma forma da marca Dona Paterna assinalar o Dia Mundial do Turismo.

​​​A efeméride, celebrada desde 1980, promove a tomada de consciência sobre o valor social, cultural, político e económico do turismo e a contribuição desta atividade para serem alcançados os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. Este ano, a Organização Mundial do Turismo (OMT) comemora o dia com um foco no futuro. A entidade sublinha que este é o momento para repensar a forma como fazemos turismo: colocar as pessoas e o planeta em primeiro e juntar todos em torno de uma visão comum e partilhada de um turismo mais sustentável, inclusivo e resiliente.

Melgaço é um lugar de excelência. Aqui há natureza, desporto, cultura, história, património, boa gastronomia e alvarinho, que aliás é uma das principais atrações turísticas, e em crescendo. «Os turistas visitam a nossa região à espera de uma diversidade de atividades. E encontram, porque temos de facto uma enorme oferta. Aliado a isso temos o alvarinho, de qualidade e único.», refere o produtor Carlos Codesso, considerando que «é na mesa que os nossos alvarinhos revelam o que de melhor têm para oferecer, em conjunto com a deliciosa gastronomia da região. Por isso decidimos brindar todos os visitantes do restaurante A Lanterna neste Dia Mundial do Turismo.»

 

ALVARINHO RESERVA E ALVARINHO TRAJADURA ESCOLHA PARA UM BRINDE AO DIA MUNDIAL DO TURISMO

O vinho Alvarinho Reserva Dona Paterna é um clássico. Um néctar cheio de delicadeza, frescura e mineralidade, com fruta branca delicada, citrinos, tons salinos e flores.
Ideal como aperitivo ou para acompanhar mariscos, pratos de peixe ou pratos de carnes de aves. Deve ser bebido entre 10-11ºC.

O vinho Alvarinho Trajadura Escolha Dona Paterna resulta da combinação harmoniosa da casta Alvarinho com a casta Trajadura. Apresenta uma cor amarela citrina, aroma elegante e mineral e delicado paladar.

Este vinho é ideal como aperitivo ou para acompanhar mariscos, pratos de peixe ou pratos de carnes de aves. Deve ser bebido entre 8-9ºC.

UM TERROIR ÚNICO NO MUNDO

Graças à exposição atlântica e a um clima caracterizado por elevada pluviosidade, humidade atmosférica, temperatura amena e pequenas amplitudes térmicas, a casta alvarinho atinge neste terroir o máximo das suas potencialidades.

O vinho Alvarinho é um vinho nobre. Esta casta só se produz até 200 metros de altitude, e é aqui que esta casta encontra as condições ideais para o cultivo e maturação. Por isso a sua raridade e baixa produção. Monção e Melgaço é, não só o berço, mas o solar do Alvarinho.

A sub-região de Monção e Melgaço foi criada em 1908, integrada na Região dos Vinhos Verdes, mas a casta Alvarinho existe em Portugal há mais de 700 anos.

 

SINERGIAS COM OS ATORES DO TERRITÓRIO

Com esta ação, a marca Dona Paterna volta, uma vez mais, a apostar em sinergias com os produtores locais. «Só faz sentido criando experiências que envolvem o território. Os vários agentes que aqui atuam. A sub-região só faz sentido assim e, para isso, temos de trabalhar em conjunto. O visitante, o cliente, não quer apenas uma experiência ou produto, mas sim uma variedade de vivências.», considera Carlos Codesso. Quem visitar o restaurante A Lanterna neste dia receberá ainda um outro miminho da marca Dona Paterna, como forma de agradecimento pela escolha neste Dia Mundial do Turismo.

O restaurante A Lanterna situa-se em pleno centro histórico de Melgaço – Rua Dr. Afonso Costa, 53, Melgaço, Portugal, 4960-519. O espaço convida a saborear os sabores autênticos de Melgaço. As reservas podem ser efetuadas através do telefone 251 402 602.

Partilhar

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on pinterest

Mais
artigos

Shopping Cart